Comparar listagens

O ISSQN E OS SERVIÇOS NOTARIAIS E DE REGISTRO: de acordo com o novo CPC e a jurisprudência atual

Letícia Franco Maculan Assumpção

Após a declaração de constitucionalidade da Lei Complementar nº 116/2003 pelo STF, no julgamento da ADI 3089, os Municípios começaram a se mobilizar para exigir o Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza -ISSQN de notários e registradores.

Tal cobrança, no entanto, envolve a discussão de diversas questões que não devem ficar sem resposta.

Pretende o presente artigo analisar profundamente o tema, apresentando a mais recente jurisprudência e sugerindo a notários e registradores algumas medidas que visam a garantir a sobrevivência e a dignidade do exercício da função notarial e de registro.

Sugere-se, ainda, seja tratada de forma uniforme, nacionalmente, a questão do repasse ao usuário do serviço do valor correspondente ao ISSQN.

Posts relacionados

Comentários sobre a fecundação assistida e o Provimento nº 63, do CNJ

1- INTRODUÇÃO   O Provimento 63/CNJ, de 14 de novembro de 2017, veio instituir novos...

Continue lendo

Apontamentos sobre o ingresso do contrato de locação no registro imobiliário

Éder Rodrigues de Souza   RESUMO   O presente trabalho não tem a intenção...

Continue lendo

USUCAPIÃO EXTRAJUDICIAL: A posse exclusiva para fins de usucapião no caso de condomínio ou de herança

Letícia Franco Maculan Assumpção   USUCAPIÃO EXTRAJUDICIAL: A posse exclusiva para...

Continue lendo

Participe da discussão